Avançar para o conteúdo principal

Nem o frio lhes tirou a vontade...

Eu como ando afastado destas coisas, nada melhor para ir enchendo este meu espaço com umas coisas boas... mesmo que a imagem não seja das melhores.
Enviado pelo meu caro amigo Humberto, numa noite que nem a mim me fazia sair de casa.

5Kg e 3,5kg respectivamente. A par destes, o colega dele tirou um 5,5kg. É motivo para dizer uma asneira: que lixe (com f...) o quentinho.
Tirados à bóia com camarão vivo.

Parabéns Humberto, também já merecias umas coisas boas pela tua (vossa) persistência...


Comentários

Anónimo disse…
Belos barrotes, espetaculo.
Com trofeus desses, nao é frio que
mete medo. Quem me dera.... :)
Pedro Nunes disse…
Oh Pedro!
Isso com uns cabeçudos desses ñ ha frio k entre pá :))
Abraço
Sérgio Tente disse…
Boas,

Belos exemplares.
Realmente o tempo não está para grandes nocturnas e portanto ainda dou mais valor a esse pescador pela coragem. Foi bem recompensado.

Abraço
Pedro Galante disse…
Sou sincero, sonhar com peixe em dias assim, não passa pela cabeça de ninguém. Lembro-me que nessa noite, para além do frio, o vento de nordeste que se fazia sentir era insuportável! Mas como sempre, a pesca e os peixes, têm destas coisas, não marcam hora nem local e o factor surpresa, é das melhores coisas que este "desporto" nos proporciona. Como dizia o já falecido meu amigo e companheiro de pesca Ferrão, é preciso é lá estar...

Abraço aos três, e gratos pela vossa visita.
Humberto disse…
Sem dúvida Pedro que o importante é lá estar e como já falamos o mês corrente tem-me surpreendido bastante pela positiva desde o primeiro dia do ano. São estes pequenos pormenores que nos fazem perder noites e ao mesmo tempo esquecer todas as condições adversas que se fazem sentir. Tudo em prol do desporto que tanto gostamos.

Grande Abraço,
Humberto.

Mensagens populares deste blogue

José Afonso, numa opinião de carretos para surf-casting...

O dia em que conheci o Zé! Na sua praia... Figueira da Foz, num encontro de um fórum de pesca...


O seu nome, dispensa quaisquer tipo de apresentações... Este é daqueles... que todos nós agradecemos a sua presença num qualquer lugar, e, se se falar de pesca, melhor ainda! Evidente que este meu espaço, fica mais rico... mesmo que, tenha tirado o seu artigo de uma revista de pesca. E para compor melhor este artigo, nada melhor que juntar o seu vastíssimo currículo de competição....
Desde já Zé, o meu muito obrigado sempre pela tua disponibilidade! Vai um abraço! 

Os carretos de Surf-Casting, dicas…
Os carretos de a utilizar devem ser carretos que não fiquem desequilibrados nas canas que possuímos e indicados para o surfcasting. Como características principais devem ter força, um bom enrolamento de fio na bobine e bobines largas para uma boa saída de fio.

Uma recordação...

Decorria o ano de 2008, quando pela primeira vez, decidimos ir à Galiza à bóia. Um pouco às escuras, enverdamos por um pesqueiro nunca antes explorado por nós. Dei com o peixe assim que lá cheguei, mas foi sol de pouca dura... Só ao final do dia, é que voltei a sentir qualquer coisa mais. Nada de extraordinário, mas, para o efeito, foi muito bom. Na companhia do Humberto e do Telmo, deixo as fotos para confirmar o bom ambiente... e o local de sonho!





Enguias de viveiro

Aproveitando mais uma bela almoçarada (arroz de Lampreia) na marinha da Boca Torta, no final, uma das pessoas que lá trabalha, deu-nos a oportunidade de ver algumas Enguias que por lá habitam.