Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2009

Finalmente, lançado...

Ontem foi o grande dia, o dia do lançamento do primeiro livro da minha MENINA; "Momentos, Vivências, Emoções".
Não falo de um sucesso, falo sim de um MOMENTO de FELICIDADE, de uma VIVÊNCIA ÚNICA, e de EMOÇÕES DEMASIADO FORTES! Sem dúvida que será um dia para nós recordarmos sempre. Agradeço a todos os amigos:
- vocês também foram importantes para que este momento fosse possível realizar-se.


Um agradecimento especial ao Eng. Carlos Souto e Direcção do AveiroArte por nos ter cedido aquele maravilhoso espaço.









Ao homem da música (Rui): O nosso muito obrigado pelo tempo despendido!








Nervosa, mas o ar de felicidade era mais que evidente...










Ao Dr. Jorge sempre "tão" disponivel: Muito obrigado!




Tenho que me render uma vez mais, não a uma rainha, não a uma princesa, mas sim a uma MULHER de armas! OBRIGADO!

Tragédia na Ria de Aveiro

Não sei o que hei-de escrever perante tal tragédia... Por isso, transcrevo a noticia tal como está no site da SIC.

O choque entre as duas embarcações, que transportavam pescadores desportivos, aconteceu por volta das 6h00, quando existia muito nevoeiro no local.As primeiras informações davam conta também de uma pessoa desaparecida e vários feridos, mas as autoridades já desmentiram esses dados."Foi no cruzamento do bico de pedra que um dos barcos boca-aberta, que transportam pessoas para a pesca, albarroou a outra embarcação, que afundou, provocando três mortos", disse à agência Lusa o comandante João Naia, dos Bombeiros Novos de Aveiro, atribuindo o embate "à falta de visibilidade". Uma das embarcações seguia apenas com o condutor, marinheiro, enquanto a outra, que foi albarroada, transportava cerca de 10 pessoas, a maioria pescadores da região do Porto que seguiam para os molhes. Uma das três vítimas mortais é uma criança de 8 anos, filha do proprietário da empres…

Grandes amigos, grandes pescadores...

O Telmo

O Rui


O Humberto


O Luís

Depois de muita grade...

Um ano muito atípico na questão de capturas, é o que temos patenteado dentro da ria. Não me lembro de um ano assim. Nem os Sargos que nesta altura sempre entram em quantidade e qualidade , têm comparecido. Uma vez mais, ontem fiz-me ao Molhe Norte mas sem expectativas devido ao que escrevi atrás. Apanhei algum Camarão. Uma nota importante: Chocos em quantidade, é o que se vê em quase todos os locais, esta sem duvida uma isca para se ter em consideração nesta altura e em alguns pesqueiros.
Comecei a pescar no cansar da maré sobre o baixa-mar. depois de uma série de lançamentos, nem eu nem os meus amigos sentimos qualquer toque. Teria pois, que aguardar que a maré começasse a correr para o preia-mar. Já convencido que o resultado iria ser o mesmo de tantos outros, reparo que a minha bóia afunda muito devagar: deve ser a pedra, pensei eu, puxo um pouco com força, e sinto um peixe meio teimoso. A grade já está safa, pensei eu. Mas não, ainda safei a grade por mais três vezes, para além de …